Um dia inesquecível: entrevistar a top model Juliana Imai

Como editora-chefe da revista Zero, eu já tinha planejado uma capa com a top model Juliana Imai. Na minha transição para a revista Vitta, acabei fazendo a minha última matéria para a Zero. Fechei com chave de ouro ao entrevistar a lindíssima Juliana. Já acompanhava o trabalho da super modelo nikkei desde a época do Jornal Nippo-Brasil. Ela é um show de simpatia. Foi uma tarde muito divertida ao lado de Juliana, a equipe da Ford Models, o fotógrafo Pedro Molinos, o maquiador Eliezer Lopes, as produtoras Flavia Vianna e Rafaela Oliveira, entre outras pessoas queridas.

Ela ensinou vários truques de beleza, principalmente para orientais. Foi a mais didática de todas as celebridades que entrevistei.rs

Confira o blog de Juliana Imai.

 

Salão Solidário com experts das marcas L'Oréal Professionnel, Matrix, Redken e Kérastase

Dica ótima via Facebook, da Mariana Ruiz, para 17/05, terça-feira:

Por conta da comemoração dos 10 Anos da campanha Cabeleireiros contra Aids, um grupo de profissionais gabaritados, embaixadores das marcas L’Oréal Professionnel, Matrix, Redken e Kérastase, estarão atendendo na Academia L’Oréal (na Av. Paulista, 1048/16o andar) a preços SUPER simbólicos. A renda arrecadada será doada para a Sociedade Viva Cazuza.
Estamos falando de nomes como Jô Nascimento, Charles Veiyga, César Augusto, Viktor I, Matheus Vieira, John Miyata, Silene Olmo, Hélio Nakanishi e Wanderley Estrella, entre outros.
Corte (lavagem + escova)=R$ 50,00
Tratamentos (hidratação)=R$ 50,00
Corte + tratamento= R$ 75,00
Formas de pagamento: dinheiro ou cheque.
É FUNDAMENTAL o agendamento prévio com Daniel Oliveira (dsoliveira@br.loreal.com / 21 2131-6027).

EU JÁ AGENDEI!:)

Os benefícios da cromoterapia

Matéria que fiz para a Revista Zero, da Editora Símbolo, com a ajuda da querida Ana Claudia Sniesko…

Raio de beleza
Você sabia que usar o amarelo pode melhorar um quadro depressivo? E que o violeta busca a sabedoria espiritual? Entenda melhor sobre os benefícios da cromoterapia

Por Kelly Nagaoka

Saúde, bem-estar e harmonia. Essa é a tríade de coisas positivas que a cromoterapia traz aos seus adeptos. Por meio das cores, essa ciência altera ou mantém as vibrações do corpo em uma frequência que garante bons resultados. “A cor é fundamental em qualquer sistema de cura. Ela pode ser utilizada em qualquer hora do dia, apenas com o uso de roupas nos tons adequados, para atrair determinado tipo de vibração”, ensina a terapeuta corporal holística Sandra Gruner, da Terapia do Toque (SP).

Para tratar problemas de saúde, uma das formas de aplicar a cromoterapia é com a utilização da água solarizada. Também com a cromoterapia, é feito o alinhamento dos chakras, além de poder ser utilizada na reflexologia. Segundo a cromoterapeuta Regina Ribeiro, do Espaço Aono (SP), as pessoas devem optar pelo tratamento quando sentirem que algo está errado e precisarem de equilíbrio, harmonização e bem-estar nos quatro corpos: físico, emocional, mental e espiritual.

Primeiro existe uma avaliação da energia da pessoa através dos seus chackras. Nessa avaliação, os chackras são medidos com um pêndulo e se estiverem parados serão equilibrados. Um chackra parado significa que um órgão vai ter a sua energia saturada e com isso, algum desequilíbrio.

Lembrando que cada chackra possui uma cor específica e é ligado a um determinado órgão, podemos então, saber nesse momento, qual é o tratamento específico perante a cromoterapia.

EM CORES

A estética já descobriu os poderes da cromoterapia e essa ciência já é empregada em tratamentos de beleza, que auxiliam em problemas como estrias, vitiligo, psoríase, acne e até estresse. “As luzes agem como um complemento a outros tratamentos, como a drenagem linfática e o manthus, no caso da gordura localizada, e o peeling e a carboxiterapia, no caso das estrias”, explica o cirurgião plástico Luciano Esteves.

Com a promessa desses e mais benefícios, o equipamento Cromosystem usa frequências diferentes de luzes coloridas que são focadas na pele. Cada cor tem diferentes comprimentos de ondas de luz e emite informações energéticas. À medida que a pele absorve profundamente as luzes através de caminhos energéticos específicos, há um estímulo da comunicação intracelular que auxilia no processo de cura. “Mecanismos fisiológicos que colaboram na redução de medidas ou na produção de colágeno são ativados por meio do tratamento”, completa.

A cromoterapia estimula o fluxo linfático, equilibrando e desintoxicando os sistemas corporais tanto no rosto como no corpo, sendo eficaz também no tratamento da acne.

COLORIDO BÁSICO
Regina Ribeiro cita as sete cores básicas da cromoterapia e os seus poderes terapêuticos:

VERMELHO: É usado na anemia, no sistema circulatório, músculos, tendões etc. No aspecto energético, capta e distribui a energia primária (kundalini) e reativa os demais chackras.

LARANJA: Usado para induzir a pessoa a se sentir disposta. Utilizado também para o tratamento de intestino preso, nódulos, miomas e tumores,
autoconfiança.

AMARELO: Representa festividade, alegria e suaviza a rigidez das pessoas. Pode ser usado em doenças dos ossos e pele.

VERDE: Tem propriedades antissépticas. Combate o estresse, pânico, aumenta a autoestima, cura a dor de garganta e todos os tipos de inflamações.

AZUL: Cor energizadora do aconchego. Seus benefícios são para as artérias, veias, enxaquecas, tiroides, glândulas em geral, artrose.

ÍNDIGO: Induz a anestesia local. É benéfica contra dor de ouvido, miopia, traz relaxamento profundo, entre outros.

VIOLETA: Cor do estado de elevação, da espiritualidade e transmutação, além de ser um grande antibiótico.

Fonte: Revista Zero/ed.10

A beleza estonteante de Raica Oliveira

Presente da natureza

Por Kelly Nagaoka

Quando o assunto é beleza, ela aprecia o diferente e o natural. Assim é a supermodelo, que mora em Nova York há muitos anos. Conheça os segredinhos de Raica Oliveira para manter o corpo perfeito, mesmo com a correria de viagens para diversas partes do mundo

Ela mora há oito anos em Nova York e a cada semana está em um lugar diferente. A saudade do dia a dia no Brasil é grande. Mesmo quando vai a um restaurante brasileiro, observa que o sabor e o tempero não são os mesmos. E pelo menos a cada dois meses vem ao País a trabalho e para visitar a família em Niterói (RJ). Assim é a vida agitada da top model Raica Oliveira, de 25 anos, que está namorando sério há pouco mais de um ano. “Pretendo morar junto só depois do casamento”, afirma a bela, que sonha em trabalhar com vários fotógrafos renomados, como a americana Annie Leibovitz e o italiano Paolo Roversi.

“Na verdade, não penso muito no futuro, sempre estou de olho no próximo trabalho. A vida muda muito. Deixo as coisas fluírem normalmente. Mas tenho vontade de mexer com TV”, revela a musa, que, em 2008, comandou um quadro no programa Hoje em Dia, da Record. A seguir, confira revelações à revista Zero sobre moda, beleza, dieta, fitness, entre outros assuntos.

1. Tratamentos estéticos preciosos

“Quando volto ao Brasil, em São Paulo, faço drenagem linfática quase todos os dias na clínica de estética de Cris Coelho, além de VelaShape para manter o corpo. No Rio de Janeiro, vou à clínica da dermatologista Karla Assed. Gosto do peeling de cristal e peeling de ácido. Utilizo um laser também para fechar pontas duplas. Em Nova York, muitas máquinas não são liberadas, por isso acredito que no Brasil há mais recursos estéticos que nos Estados Unidos.”

2. Cabelos sem condicionador
“Em casa, utilizo o xampu e a máscara da Kiehls. Acho mais forte que condicionador. E a hidratação mais profunda faço no salão do meu amigo Helio de Souza, em Nova York. É a melhor que tem. Faço uma vez por semana. Quando estou em São Paulo, frequento o salão do Marco Antonio de Biaggi. Lavo os cabelos a cada dois dias, de três a quatro vezes por semana. Não gosto de cabelo curto e adoro penteados.”

3. Ousada na tatuagem
“Tenho seis tatuagens: duas borboletas, duas estrelas, um terço e um coração sagrado no cóccix. Nunca planejei estas tatuagens e também nunca me arrependi. A mais recente foi o terço no pé, em dezembro, com um renomado tatuador de Los Angeles.”

4. Moda chique e nada chamativa
“Gosto das seguintes marcas: Alaia (francesa), Stella McCartney, Marcelo Quadros e Victor Dzenk. No dia a dia, no frio, coloco muita bota, calça e legging. No verão, adoro vestido e saia. Gosto de tecidos leves, e não suporto usar nada apertado e de cores muito chamativas, além de evitar misturá-las muito. Dou preferência ao creme, azulescuro e branco. Quando comecei na carreira de modelo, lembro das roupas que usava e penso em como tive coragem de sair com elas. Mas você vai crescendo, amadurecendo, criando o próprio gosto, o que gosta e não gosta mais. Ao viajar, você conhece outras marcas e percebe o que combina mais com você e descobre seu próprio estilo. Comigo foi assim.”

5. Fã do natural
“Sou adepta de marcas naturais, que não levam nada de química. Uso há mais de seis meses a marca australiana Sodashi, que tem sérum, creme para o corpo, máscara para pele sensível, desodorante. É totalmente natural.”

6. Make só no trabalho e eventos especiais
“Fora do trabalho, não uso nada, para a pele respirar. Muita maquiagem bloqueia os poros. Em dia de festa, uso o rímel e corretivo para olheiras Touch Éclair, ambos da Yves Saint Laurent, blush da Giorgio Armani bronze e um gloss para finalizar o look. Quando é um evento de moda, conto com a ajuda de um maquiador. Até hoje não sei me maquiar.”

7. Plástica só em último caso
“Se precisar, opero. Não sou avessa, não digo que nunca vou fazer. É normal. Às vezes, a pessoa passa por um acidente. Só sou contra o excesso. Agradeço muito a Deus pelo meu biotipo. Se pedir mais alguma coisa, estraga. Às vezes, acordo de manhã e me acho tão feia. Olho todo dia no espelho e muitas vezes fico enjoada da minha cara. Não fico me admirando.”

8. Fitness leve
“Faço pilates e ioga. Tem vezes que consigo praticar por duas semanas direto. Não sou fã de academia, mas lá faço transport. No colégio, jogava muito queimada. Era a número um. Magra, tinha muita força e corria bastante. As meninas até ficavam com medo. Participava das competições no colégio. No basquete, o professor me colocava porque era alta. Hoje, não gosto de nada com muita adrenalina. Não curto esporte pesadão. Por exemplo, no pilates não precisa pular. É um exercício que coloca a coluna no lugar, dá boa postura, define o abdome. Já a ioga alonga a musculatura. Gosto da combinação dos dois.”

9. Alimentação
“Considero-me vegetariana desde que nasci por influência dos meus pais. Comia peixe e frango. Aos 19 anos, parei de comer frango. Peixe, há quase dois anos. Não gosto de comer bicho. Como ovo, tomo leite. Nunca tive curiosidade de experimentar carne. Minhas comidas preferidas são pizza, risoto de cogumelo, farofa de ovo, sendo o número um: ovo estalado com gema dura, feijão e farofa de ovo. Tem uma receita inusitada de batata frita com ovo. Você frita o ovo, e quando pegar a consistência, jogue a batata. O ovo frita junto com a batata. É um prato da culinária espanhola. Conheci quando fui ao restaurante com uma amiga. Gosto de cozinhar espaguete com molho de tomate e parmesão e espaguete com cogumelo. De doces, os melhores são pudim e cupcake de chocolate, vanilla, que compro em Nova York.”

Curiosidades sobre Raica Oliveira

 Não gosta de coisa que todo mundo tem, como batom, gloss, perfume (usa a marca de uma amiga, que prefere não citar o nome).
 Não faz o lanche após o almoço e o jantar. “Gosto de ter fome para comer. Se engordo 1 kg ou 2 kg, perco rápido.”
 Revelou que não sabe se maquiar. Nos eventos de moda, recorre ao maquiador. Mas em festas tenta se virar com a própria maquiagem.
 Era viciada em MSN. “Ao invés de ficar na rua, estava no computador. Hoje, quando viajo, não levo o notebook. Levo livro, vou à academia. Para mim, o computador serve para notícia, música, iTunes e Google.”
 Nas horas vagas, quer ficar em casa com os cachorros. Ela tem um cachorro em Nova York, um Lulu da Pomerânia, chamado Pipoca.

Cardápio

Café-da-Manhã
 Iogurte com granola
 Suco de laranja
 Torrada com mel
 1 fruta (mamão ou morango)

Almoço
(depende de onde está)
 Salada (tomate com mussarela caprese, salada Caesar com parmesão e torrada)
 Ovo
 Feijão
 Lentilha
Tofu

No restaurante vegetariano:
 Guaca mole
 Seitan (mistura com tofu)
 Hambúrguer de soja vegetariano “Quando estou cansada, vou à pizzaria”, desabafa.

Lanche da Tarde
“Não como, pois almoço bem”, diz Raica.

Jantar
 Lanche leve (sanduíche) ou salada
 Café com leite ou vitamina

Fotos: Renam Christofoletti Assistentes: Rodrigo dos Santos e Bruno Mendes Styling: Anderson Vescah Produção: Marcell MaiaBeleza: Renner Souza (Aba MGT) Ela veste: Biquínis Ki Korpo e acessórios Francesca Romana Diana, Fabrízio Giannone (biquínis amarelo e rosa) e Closet 667 (rosa)


Segredos de beleza de Bia e Branca Feres

Matéria que fiz como editora-chefe da revista Zero, da Editora Símbolo, em 2010. Saudades desta correria. ;-)

Bia e Branca Feres

As mais lindas atletas do Brasil

Por Kelly Nagaoka / Produção: Gisele Magalhães / Beleza: Rafael Sena

A agenda das gêmeas cariocas do nado sincronizado, de apenas 22 anos, é disputadíssima. Atletas da seleção brasileira, elas treinam de 4 a 8 horas por dia, durante a semana, praticam musculação e a técnica russa zala. Também são garotas-propaganda de várias marcas e já fecharam contrato para apresentar um programa de namoro na MTV no segundo semestre. Saiba como elas arranjam tempo e fôlego para fazer tudo isto e, ainda por cima, dando um show de beleza e simpatia


O Brasil conheceu um pouco mais do trabalho árduo das gêmeas do nado sincronizado Beatriz, mais conhecida como Bia, e Branca Moreira Feres nos Jogos Pan-Americanos, no Rio de Janeiro, em 2007. Com o bronze no torneio, a vida das jovens mudou, com convites para atuar em novelas, programas de TV, propagandas – hoje elas são a cara do energético TNT, Iódice, Nike, Warner, Chevrolet, entre outros.

Eleitas duas das 50 atletas mais bonitas da década, pelo site norte-americano especializado em esportes Bleacher Report, as gêmeas ocuparam a nona e a oitava colocações. A campeã da lista foi a tenista russa Maria Sharapova, seguida pela também tenista russa Anna Kournikova. Capas de diversas revistas, uma delas foi a francesa Paris Match, de março, em uma reportagem sobre as mulheres mais bonitas do Brasil. Este feito rendeu a escolha da TV francesa, a NRJ12 Channel, a acompanhá-las desde o carnaval, inclusive no dia das fotos de capa, para um documentário sobre a vida das mulheres no Brasil. “Eles estão acompanhando cada passo nosso. Gravaram com a gente, com a Fernanda Lima e com a gerente do Hotel Fasano. São pessoas que têm alguma visibilidade fora do País”, comentaram as gêmeas, em um bate-papo com a ZERO. Na entrevista a seguir, as belas contam como conciliam tantos afazeres, em uma trajetória esportiva que começou quando elas tinham apenas sete anos.

ZERO: Após tantas conquistas, quais são os momentos mais marcantes no nado sincronizado?
Bia e Branca: Os momentos mais marcantes, sem dúvida, foram o Pan 2007 e o Sul-Americano 2003. O Pan, pois foi o boom na nossa carreira, e o Sul-Americano juvenil porque foi a realização de um sonho. Desde pequenas, apagávamos as velinhas do nosso aniversário sonhando em sermos campeãs sul-americanas de dueto.

ZERO: Quais são os principais objetivos no esporte? Até que idade esperam competir?
BB: Queremos nos dedicar ao esporte até os 28 anos, pois será mais um sonho competir na Olimpíada de 2016.

ZERO: Citem um grande sonho que cada uma possui.
BB: Além da Olimpíada em 2016, casar e ter uma família de filme. Esse ano já estamos realizando um, que é o nosso próprio programa na MTV. Traçamos metas juntas, o que acaba fazendo com que tenhamos os mesmos sonhos.

ZERO: Quais são os segredos para conciliar o esporte com o lado artístico?
Bia e Branca Feres:
Não tem segredo, conciliamos da mesma forma que as outras meninas conciliam os treinos com os estudos ou trabalho.O segredo é ter sempre tempo para descansar e comer bem!

ZERO: O que gostam de fazer nas horas vagas?
BB:
Amamos ir à praia, sair para jantar em restaurantes japoneses e sempre que temos uma folguinha, viajamos.

ZERO:
E pretendem cursar uma faculdade? Quais cursos fariam?
BB: Fizemos três períodos de Artes Cênicas, amamos, mas não conseguimos conciliar com a nossa rotina de treino e trabalho. Eu, Branca, penso em fazer um dia Psicologia, a Bia não sabe, mas talvez Marketing, pois é muito boa de negócios.

ZERO: Quais são as suas roupas e marcas preferidas?
BB:
Como esportistas, com certeza da Nike, pois nos dão conforto e têm uma tecnologia incrível, para o dia a dia. Estamos descobrindo o mundo da moda e adoramos experimentar peças que nunca tínhamos usado. Temos a ajuda de um personal stylist que nos acompanha nas compras.

ZERO: Quais cores estão sempre em seu armário?
BB: Branco e cores alegres e vivas.

ZERO: Fazem alguma coleção ou são loucas por algum objeto?
BB:
Sim, tênis. Temos de todas as cores possíveis e até modelos personalizados com nossos nomes!

ZERO: Que maquiagem preferem no dia a dia e em festas?
BB: Somos bem básicas. Só uma boa base para uniformizar a pele, rímel e um bronzer está bom! Usamos bastante L’Oréal, Avon, M.A.C, Lancôme e os esmaltes da Chanel.

ZERO: Como cuidam do rosto?
BB:
Sempre pela manhã passamos o creme Lancôme Pure Focus para limpar o rosto, em seguida, o protetor com FPS 60, da L’Oréal.

ZERO: E qual hidratante passam no corpo?
BB:
Victoria’s Secret! Temos vários!

ZERO: Quais são alguns dos segredinhos para ter um cabelo tão lindo?
BB:
Hidratação e passar queratina antes de entrar na água, por causa do cloro. E sempre optamos por bons produtos na hora de retocar a raiz. Atualmente, usamos da Fio e Tom, da Vita-A.

ZERO: Em qual salão cortam os fios?

BB: Não cortamos com frequência, mas atualmente, quando precisamos retocar a raiz e dar uma aparada, vamos ao salão da Heloysa Gimenez, que é muito conceituada no Rio.

ZERO: Costumam fazer hidratação em casa e no salão?
BB:
Nós gostamos muito do creme Maya, da Vita-A, para hidratação, acabou virando uma máscara diária. No salão, acaba sendo quando retocamos a raiz, porque estamos sempre correndo por causa dos trabalhos

ZERO: Qual é a cor natural dos cabelos?
BB: Difícil de saber. É tanto sol que ela se perde, mas a maior parte é castanho claro.

>> CAFÉ DA MANHÃ
 Iogurte desnatado ou integral
 Cereais
>> LANCHE DA MANHÃ
 Viciadas em frutas, as preferidas são morango, melancia, melão, kiwi e fruta-do-conde
>> ALMOÇO
 Verduras (folhas para começar a refeição)
 Legumes (cenoura e tomate)
 Carne magra sempre, sendo 1 filé para cada
 Arroz integral (a quantidade depende do treinamento)
>> LANCHE DA TARDE
 Barrinha de proteína
>> JANTAR
 Peixe sempre grelhado, fritura jamais
 Salada (rúcula, alface, acelga)

Elas vestem:
biquíni Lenny Niemeyer (Rio Design Barra) e Bobstore (acessórios)

Saiba mais: http://www.efuxico.com.br/2010/05/13/as-gemeas-bia-e-branca-feres-mostram-o-corpo-sarado-em-ensaio-de-bikini-para-revista-zero/